DECEPÇÕES, INGRATIDÃO, AFEIÇÕES DESTRUÍDAS

crying-tear-pictures

937. “Para o homem de coração, as decepções oriundas da ingratidão e da fragilidade dos laços da amizade não são também uma fonte de amarguras?”

“São; porém, deveis lastimar os ingratos e os infiéis: serão muito mais infelizes do que vós. A ingratidão é filha do egoísmo e o egoísta topará mais tarde com corações insensíveis, como o seu próprio o foi.

Lembrai-vos de todos os que hão feito mais bem do que vós, que valeram muito mais do que vós e que tiveram por paga a ingratidão. Lembrai-vos de que o próprio Jesus foi, quando no mundo, injuriado e menosprezado, tratado de velhaco.

Seja o bem que houverdes feito a vossa recompensa na Terra e não atenteis no que dizem os que hão recebido os vossos benefícios.

A ingratidão é uma prova para a vossa perseverança na prática do bem; ser-vos-á levada em conta e os que vos forem ingratos serão tanto mais punidos, quanto maior lhes tenha sido a ingratidão.”

938. “As decepções oriundas da ingratidão não serão de molde a endurecer o coração e a fechá-lo à sensibilidade?”

“Fora um erro, porquanto o homem de coração, como dizes, se sente sempre feliz pelo bem que faz. Sabe que, se esse bem for esquecido nesta vida, será lembrado em outra e que o ingrato se envergonhará e terá remorsos da sua ingratidão.”

938a.”Mas, isso não impede que se lhe ulcere o coração. Ora, daí não poderá nascer-lhe a idéia de que seria mais feliz, se fosse menos sensível?”

“Pode, se preferir a felicidade do egoísta. Triste felicidade essa! Saiba, pois, que os amigos ingratos que os abandonam não são dignos de sua amizade e que se enganou a respeito deles. Assim sendo, não há de que lamentar o tê-los perdido. Mais tarde achará outros, que saberão compreendê-lo melhor. Lastimai os que usam para convosco de um procedimento que não tenhais merecido, pois bem triste se lhes apresentará o reverso da medalha. Não vos aflijais, porém, com isso: será o meio de vos colocardes acima deles.”

A Natureza deu ao homem a necessidade de amar e de ser amado. Um dos maiores gozos que lhe são concedidos na Terra é o de encontrar corações que com o seu simpatizem. Dá-lhe ela, assim, as primícias da felicidade que o aguarda no mundo dos Espíritos perfeitos, onde tudo é amor e benignidade. Desse gozo está excluído o egoísta.

Bem, agora passarei a uma ligeira análise das questões. A ingratidão é um defeito moral. Como todos os defeitos morais, ele causa constrangimento e dor a outros. Nem sempre, porém, o ingrato sabe que o está sendo. Por que?

O motivo é simples, o adiantamento moral depende e muito do intelectual. Muitos de nós não entendemos nossas emoções e quando entendemos, temos pouco controle sobre elas. A maioria das pessoas entendem-se controladas por suas emoções. Na verdade, o que deveria ocorrer é justamente o oposto. Nós é que deveríamos ser os mestres de nossas emoções. E isto é muito possível, principalmente através do conhecimento de si mesmo. Diversos livros, cursos e palestras sobre auto-ajuda se encontram disponíveis. O próprio “O Evangelho Segundo o Espiritismo” está repleto de indicações de como conhecer-se melhor, de como ser melhor consigo mesmo e com os outros.

A necessidade de estima ocupa uma posição de destaque entre as necessidades humanas. Maslow, um pensador de Administração, coloca-a praticamente no topo, ou seja, a mais importante necessidade humana. Li certa vez que o espírito alimenta-se de amor e isto é ótimo pois nós somos inesgotáveis fontes de amor. Em nossa evolução incessante, aprendemos a amar cada vez mais e melhor.

Por que nos sentimos magoados com a ingratidão? O motivo também é simples: aguardamos um retorno, uma resposta ao bem que fizemos a esta ou aquela pessoa. É neste ponto que o espírita deve tomar cuidado especial. Se aguardamos receber algo em troca, desta ou daquela pessoa, que bem real está sendo feito? Lembram-se do “fazei o bem sem ostentação”? Ao sentir-se magoado, ostenta-se o bem feito outrora.

Devemos nada esperar do bem praticado e aí está a verdadeira dificuldade. Digo aqui que não deve-se aguardar gratidão, de nenhuma espécie, pois assim, jamais nos magoaríamos. Fazei o bem sem a olhar a quem.

O egoísta terá sua solidão para vivenciar, como resposta a suas ações ingratas. Os laços afetivos são duradouros e eternos, e espíritos afins se reconhecem por toda a eternidade. O mesmo ocorre com a mágoa e sentimentos menores. O grande castigo do egoísta é a solidão, ou seja, o convívio consigo mesmo. Temos de lembrar que o egoísta é, sobretudo, um espírito ainda muito primário. Suas dores, desejos e dificuldades se prendem ainda excessivamente a matéria e a si mesmo. Sua gana por conforto e benefícios pessoais o colocam numa rota muito dolorida no post-mortem. O egoísmo é, sobretudo, um defeito oriundo de dificuldades anteriores. É como se o espírito se lembrasse de necessidades pretéritas e se defendesse delas. É um medo atávico e geralmente inconsciente. Entretanto, eis aqui o erro primordial!

“Olhai os lírios do campo”, dizia o Mestre.

A medida que a evolução se processa neste espírito, ele esquece cada vez mais de si, pois suas necessidades vão diminuindo. Logo, sem necessidades, surgem abnegação e preocupação pelos demais, que ainda estão iludidos na matéria.

LIVRO DOS ESPÍRITOS

 

RECOMENDAMOS

A MINHA ARVORE DE AMIGOS

CURA PELAS VIBRAÇÕES

PRIVILÉGIO DE TER UM AMIGO

 

6 comentários sobre “DECEPÇÕES, INGRATIDÃO, AFEIÇÕES DESTRUÍDAS

  1. Pingback: A MOÇA INOCENTE DE CATANDUVA – REFORMA ÍNTIMA COM MENSAGENS

  2. Pingback: DE QUEM É A CULPA? QUEM NÃO TIVER PECADO QUE ATIRE A PRIMEIRA PEDRA – REFORMA ÍNTIMA COM MENSAGENS

  3. Pingback: PENSE ANTES DE CRITICAR ALGUÉM – REFORMA ÍNTIMA COM MENSAGENS

  4. Pingback: A ALIMENTAÇÃO CARNÍVORA E O VEGETARIANISMO – BLOG JORNAL NOVA ERA

  5. Pingback: MÉDIUNS, OBSESSÃO E A QUARESMA – BLOG JORNAL NOVA ERA

  6. Pingback: SE VOCÊ VISSE A ENERGIA DE QUEM ESTÁ AO SEU LADO… – BLOG JORNAL NOVA ERA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s